Início >> Noticia >> Santarém é a próxima parada da Feira Pan-Amazônica do Livro
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Santarém é a próxima parada da Feira Pan-Amazônica do Livro

 

O salão do Livro do Baixo Amazonas, extensão da Feira Pan-Amazônica do Livro, chega a sua décima versão na região do Baixo-Amazonas. O evento terá a sua abertura oficial às 19h do dia 24 de novembro, sexta feira, com a presença de autoridades locais e do Estado e na ocasião será feita uma visitação geral aos estandes e haverá uma noite musical com a Banda Filarmônica Professor José Agostinho e dos Amigos da Fila, no palco principal do Parque da Cidade Pérola do Tapajós. Durante dez dias de feira, o público poderá participar de várias atividades, através de seminários, oficinas, contação de história, palestras com escritores nacionais e da Amazônia, de lançamentos literários e visitação aos estandes de editoras e livrarias que estarão presentes no salão. A organização estima que o salão atrairá um público de 60 mil visitantes e que terá uma movimentação financeira em torno 1 milhão de reais, além de gerar emprego e renda.

O Salão do Livro do Baixo Amazonas, realizado em Santarém, é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura em parceria com a Prefeitura Municipal de Santarém e tem o patrocínio da Assembleia Legislativa e da Imprensa Oficial do Estado do Pará. O evento ganhou força ao longo dos dez anos de sua criação e veio para atender ao projeto de ampliar o alcance da Feira Pan-Amazônica do Livro, realizada há 21 anos em Belém. A ideia é a levar o livro e a cultura através de suas expressões artísticas, para outros municípios paraenses, considerando as dimensões do estado e a importância de descentralizar as ações de um evento que cresceu muito. A Região do Baixo Amazonas ocupa uma área total de 317.273,50 Km², possui uma população de 678.936 habitantes e é composta pelos municípios: Alenquer, Almeirim, Belterra, Curuá, Faro, Juruti, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Prainha Santarém e Terra Santa.

            Este ano, o país homenageado pelo Salão é a Poesia, e como patrono o jornalista e poeta Mário Faustino, o grande homenageado da XXI Feira Pan-Amazônica do Livro, realizada em Belém em maio e junho deste ano.

 Mário Faustino era piauiense, mas veio para Belém ainda menino. Morreu muito jovem, aos 32 anos, num acidente aéreo no Peru, em 27 de novembro de 1962, e deixou uma única obra publicada, o livro “O homem e sua hora”. Nascido em Teresina, em 22 de outubro de 1930, encontrou em Belém e no Rio de Janeiro a atmosfera ideal para atuar como jornalista, tradutor e crítico literário, e principalmente para dar vazão à verve literária.

 Segundo Paulo Chaves Fernandes, secretário de Estado de Cultura, Mário Faustino “é um grande representante de uma linha do tempo poético que faz uma ponte entre o pós-modernismo e a geração de 45 e a vanguarda por onde transitam, por exemplo, Carlos Drummond de Andrade e Clarice Lispector”.

            A professora Lilia Silvestre Chaves, que estará presente no Salão de Santarém, vai falar sobre o homenageado, numa das palestras programadas e lançará um livro de cartas de Mário Faustino para o professor filósofo paraense Benedito Nunes, intitulado “Meu Caro Bené”.

             Além de escritores locais, Santarém abre as portas para dois nomes de peso da literatura nacional e internacional: o carioca Márcio Vassallo e o português José Pacheco. Estarão entre os convidados também os escritores João de Jesus Paes Loureiro,  Cláudio Cardoso e Francisco Mendes. Das sessões de autógrafos participam os escritores de Santarém Hélcio Amaral de Souza, Jairo Linhares, Cristovam Serra e Maria do Carmo Gomes e mais Célio Simão, de Óbidos, e Álvaro Vinente, de Oriximiná.

No Parque

Com uma área total de 3.600 metros quadrados, o Parque da Cidade Espaço Pérola Tapajós, local que abrigará o Salão do Livro, em Santarém, terá 26 estandes montados, sendo dezessete do Pará e nove de outros estados, com 150 editoras representadas e 22 mil títulos expostos e uma expectativa em torno da geração de empregos diretos e indiretos de 150 postos.

            Serviço: X Salão do Livro da Região do Baixo Amazonas, de 24 de novembro a 3 de dezembro, no Parque da cidade Espaço Pérola Tapajós. Horários de funcionamento: segunda a sexta-feira, de 9h às 22h; aos sábados, domingos e feriados, de 16h às 23h.