Início >> Noticia >> Uma noite ao som de Roberto Carlos, na voz de Danniel Lima
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Uma noite ao som de Roberto Carlos, na voz de Danniel Lima

 

Desde criança, o cantor e compositor paraense, Danniel Lima, escuta seu ídolo e as canções inspiraram sua vida com cantor. “Minha mãe me arrumava para o colégio ao som do programa matinal da rádio que só toca Roberto Carlos”, conta o artista, que guardas outras memórias afetivas desse tempo. Hoje, ele apresenta novamente o show #OREIEEU - Roberto Carlos 76 anos”, no Teatro Estação Gasômetro.

Em sua sexta edição, o show é uma homenagem à mãe e à avó, que também foi uma pessoa que o fez gostar do “Rei”. “Quando saia do colégio, ia para a casa da minha vó materna, pois meus pais trabalhavam e só voltavam à noite pra casa, e ela passava o dia todo ouvindo Roberto. Minha vó tinha um pôster do Roberto na parede e chamava-o de "pão”. A MPB era outra influência presente na vida de Danniel, desde cedo e ele lembra, também, que passava horas trancado do quarto do pai ouvindo os grandes cantores e compositores dessa época como Maria Bethânia, Gal Costa, Elis Regina, Caetano Veloso, Paulo Diniz e Raul Seixas. “Sempre me imaginava cantando em grandes shows e chegava até a dobrar as capas do vinil do avesso e me desenhar neles fingindo que eram meus discos lançados”, conta.

Danniel começou a cantar aos 17 anos em bandas de garagem. Hoje, com 34 anos e há 10 anos cantando profissionalmente, começou a ser reconhecido do público ao se apresentar nos bares da cidade, teatros e em alguns festivais, onde mostrava suas musicas autorais, como no Ananindeua Fest, no Exposamba, realizado pela rede Globo, em São Paulo, chegando até ganhar o troféu “Destaque da Música” no Baile dos Artistas, em 2016 - evento que acontece todo ano em Belém e que elege os destaques em diversas áreas.

Para o músico, começar a cantar nos bares foi uma verdadeira escola onde o ajudou a ter segurança. “Nos bares você aprende a sentir o feeling do público. Aprende a lidar melhor com sua voz e até mesmo seus sentimentos. Cantar em bar, atendendo a pedidos insistentes de "Toca Raul", sem que isso atrapalhe uma interpretação sua para algo do Chico Buarque, por exemplo, é superimportante”, diz o artista                      

O cantor já lançou um EP com cinco faixas que tem como carro chefe a música “Lençóis de Cetim”. Além disso, está finalizando o seu primeiro CD com direção musical de Lenilson Albuquerque. O disco tem 13 faixas, nove autorais e outras de compositores locais como Juliana Sinimbú, Debora Vasconcelos, Daniel Bastos e Carlos Gutierrez. Nesse trabalho ele conta as participações especiais das cantoras Alba Maria, Gaby Amarantos, Joelma Klaudia e Nanna Reis.

No show em homenagem ao Rei Roberto Carlos, o publico irá conferir as musicas que marcaram a trajetória do próprio Danniel, como “As Canções Que Você Fez Pra Mim”, “Emoções” e hits da Jovem Guarda como “Quero Que Vá Tudo Pro Inferno”, entre outras: “Gosto de ouvir a plateia cantando junto no show”, e o que marca o repertório são os arranjos com pegadas de pop, rock, reggae e até brega no acompanhamento da banda formada pelos músicos Baboo Meireles (Baixo), Igor Capela (Guitarra), Rodrigo Camarão (Teclados) e Tiago Belém (Bateria). Além das participações especiais das cantoras Alba Maria, Gigi Furtado, Lucinha Bastos e Simone Almeida.

O show de Danniel faz parte do projeto Parque Musical realizado pelo Governo do Estado do Pará, por meio da Secretaria de cultura – Secult, o show #OREIEEU- Roberto Carlos 76 anos será nesta quarta-feira, às 20h no Teatro Estação Gasômetro do Parque da Residência.